Dirigir sob neblina exige maior atenção e cuidado redobrado dos motoristas
18 agosto

Dirigir sob neblina exige maior atenção e cuidado redobrado dos motoristas

29-12

Trafegar pelas rodovias brasileiras durante o inverno requer atenção redobrada dos motoristas. Entre os fatores que resultam em menor visibilidade nesse período está a presença constante de neblina, além de fumaça provocada pela maior incidência de queimadas em razão do tempo mais seco.

Segundo a especialista em segurança e educação no trânsito, Roberta Torres, diante dessas condições, é preciso tomar muito cuidado para não ser surpreendido com a freada brusca de algum veículo à frente ou um pedestre, devendo reduzir a velocidade, utilizar os faróis baixos e guiar-se pela pintura da faixa da pista em situações mais extremas. “Caso a neblina ou a fumaça estejam muito densas impedindo a continuidade da viagem, o recomendado é ainda procurar algum local seguro para estacionar o carro, sem jamais parar no meio da pista ou no acostamento”.

Para que os novos motoristas possam estar melhor preparados para situações de risco como este caso, o Conselho Nacional de Trânsito (Contran) inseriu a obrigatoriedade do uso dos simuladores de direção no processo de formação desses condutores. Das 25 aulas práticas necessárias para candidatos a motoristas, 5 são realizadas no equipamento. Isso porque a ferramenta permite que o aluno vivencie como é conduzir sob neblina, por exemplo, de maneira segura, podendo aprimorar suas habilidades para saber como reagir diante de situações extremas no trânsito.

“As aulas na ferramenta são importantes porque contribuem para que o aluno chegue preparado ao momento em que vivenciará a prática de direção em um veículo e consiga reagir de maneira correta e segura ante aos desafios do cotidiano no trânsito”, ressaltou Roberta.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *